Menu
Acesso Restrito
 Usuário
 Senha
 
Webmail
 E-mail @cristianoveronez.com
 Senha
 
Publicidade
Tratamento - Últimas Notícias  
  O Cristiano após perder totalmente as forças nas pernas e ficar com paraplegia continuou apresentando novos problemas. Apesar da força de vontade de viver e do espírito de luta esse guerreiro não está conseguindo vencer as neuropatias. Em maio de 2008 ele começou a apresentar dificuldades para deglutir e no final de maio fomos obrigados a passar sonda de alimentação, pois não estava conseguindo mais alimentar. Foi terrível! Percebi que ele começou a ficar triste e desanimar. Começou a dizer que tudo que ele gostava de comer já não podia mais e que não tinha graça alimentar por uma sonda. Sempre gostou muito do cafezinho da avó Margarida e estava privado desse prazer. Mesmo assim colocava colherinhas de café bem pequenas para ele sentir o prazer do café, mas não era a mesma coisa que tomar um copo de café que segundo ele dava lhe forças. Mesmo assim continuou no seu notebook trabalhando, conversando com os amigos e tentando passar o tempo. Mas infelizmente outros problemas surgiram. Começou a perder forças no braço direito e a visão também piorava. Já não conseguia ficar o dia inteiro em frente ao monitor e passava a maior parte do tempo deitado.

Voltamos novamente a fazer novos exames de ressonância e desta vez os resultados apontaram alterações novamente no cérebro, na coluna cervical e lombar. Meu Deus! O que fazer desta vez? O oncologista disse-me que não haveria nada a fazer a não ser esperar. Ele não agüentaria mais tratamentos e nem cirurgias.

Em questionamento com o neurologista fui encaminhada para uma médica radioterapeuta no Hospital Mader Dei (Mater Dei usa nova arma contra o câncer

Desenvolvida na Europa e aplicada há algum tempo em São Paulo, Paraná e Rio Grande do Sul, a radioterapia intra-operatória aumenta as chances de cura e dá mais conforto aos pacientes) JORNAL ESTADO DE MINAS - DOMINGO , 25 DE NOVEMBRO DE 2007

Levei todos os últimos exames que foram avaliados pela equipe da radiologia e sugeriram fazer um novo tratamento na esperança de melhoria da qualidade de vida para o Cristiano.  Foram dez dias de tratamento levando-o em uma ambulância, pois esta é agora é a única forma de tirá-lo de casa. Terminamos no dia 17 de julho e até a presente data não deu nenhum resultado infelizmente.

O quadro do Cristiano hoje não é dos melhores. Ele não tem mais acessado o computador por sentir-se muito fraco, com a visão comprometida e sem forças no braço direito podendo usar somente o esquerdo. Todas as seqüelas anteriores permanecem. Perda de audição total, paralisia facial bilateral, queda de pálpebras, diplopia e diabetes de insípidus.

Diante de tudo isso vocês podem imaginar a vida de um jovem de 26 anos que sonhava em fazer mestrado e viver a vida com tudo que há de bom. Um ótimo filho, um excelente irmão e um neto muito carinhoso. Amigos? Muitos e muitos amigos. Estamos todos sofrendo muito.

Peço a todos que por aqui passarem e lerem essa mensagem que façam uma oração pedindo a Misericórdia de Deus para a vida dele. Somente Deus agora.

 

Um abraço a todos.

 

Antonieta (mãe)

Cristiano Veronez - www.cristianoveronez.com - CopyRight 2007